receba dicas de fotografia
gratuitamente
no seu email! Cadastre-se:


Como tirar fotos bem focadas

Já falei aqui sobre como fazer uma foto com fundo desfocado, mas mesmo quando queremos o fundo desfocado… Algo estará em foco! Como fazer este foco ficar onde queremos?

Foto por Claudia Regina

ISO 100 | 35mm | f/1.4 | 1/800seg
foto por Claudia Regina

Temos duas opções na hora de definir o foco nas nossas fotos:

1. Podemos usar o modo manual de foco da lente, e ir girando o anel de foco até ele ficar onde queremos.
2. Podemos usar o modo automático, clicando o botão disparador até a metade até a câmera encontrar o foco (por padrão, as câmeras fazem um BIP na hora que o foco foi encontrado) e depois, clicando até o final.

Fazer o foco manualmente é muito interessante em algumas situações, mas não tem segredo: é preciso praticar para pegar o jeito.

Ao usar o foco automático, é preciso falar para a câmera onde queremos o foco. Como fazer isso? Bom, todas as câmeras tem pontos focais. Algumas possuem mais ou menos pontos, mas eles sempre se parecem mais ou menos com isso:

Pontos focais

Veja no seu manual como selecionar as diferentes opções de foco automático (vai estar escrito algo como “Modos de AF”).

Se você seleciona todos os pontos, a câmera é que vai decidir onde ficará o foco. Ao apertar o botão disparador até a metade, ela vai te mostrar quais foram os focos escolhidos (eles vão piscar em vermelho.) Essa opção não nos dá muito controle, pois a câmera vai decidir sozinha onde o foco ficará (e normalmente ela vai escolher o lugar mais fácil.)

Existe também a possibilidade de escolher somente um ponto (ou uma pequena área), e assim dizer pra câmera onde ela deve focar.

Você pode decidir, por exemplo, que quer o foco no olho direito de uma modelo. Uma das formas de fazer isso é selecionar, na hora da foto, somente o ponto que fica em cima do olho. Aí, você aperta o botão disparador até a metade, a câmera faz BIP, e você aperta até o final pra fazer a foto!

af-pontual

Outra solução é escolher o ponto focal central, colocá-lo em cima do olho direito da modelo, apertar o botão disparador até a metade para focar, e depois (sem soltar o botão), recompor da forma que você queria originalmente, e aí sim, apertar até o final e fazer a foto.

Focar e recompor

Essa técnica é muito interessante (e muito rápida), mas ela deve ser usada com cuidado em algumas situações. Se você está perto do assunto fotografado ou se está usando uma abertura bem grande (logo, com profundidade de campo limitada) é possível que essa técnica falhe! Na hora de recompor, o foco vai acabar um pouco mais atrás do que você havia planejado.

O perigo de focar e recompor

Essa situação acontece bastante com a famosa lente 50mm f/1.8. A primeira coisa que digo pra quem está com dificuldades em focar com a cinquentinha é para desistir do focar-e-recompor!

Quem gosta de usá-la para fazer fotos usando a abertura máxima precisa prestar atenção: se você notar que o foco está saindo sempre um pouco atrás de onde você gostaria, este pode ser o problema. Teste outras opções (como usar o foco manual ou selecionar o ponto mais próximo de onde você está focando, ao invés do central.)

Ps.: Se você não sabe o que é abertura ou profundidade de campo, sugiro começar pela apostila Aprenda a fotografar em 7 lições :-)

Não existe método perfeito de fazer o foco, e sim o método que faz você conseguir os resultados que você deseja! Teste as opções da sua câmera (ela pode te dar mais opções, além dessas) e veja qual gosta mais.

Quer ir além? Leia: O segredo das fotos nítidas.

Por
Claudia Regina


Gostou deste post ou ele foi útil para você? Então compartilhe ou faça uma doação de qualquer valor para o blog como agradecimento :-)