Dicas de Fotografia

Fotografia de paisagens e a hora mágica

Sabe aquelas fotos magníficas de paisagens que aparecem nas revistas? Sabe o que elas têm em comum? 99% delas foram tiradas na hora mágica.

É a hora em que as cores ficam mais agradáveis, a saturação lindamente aumentada, os detalhes e texturas revelados e as sombras suaves.

A hora mágica é mais ou menos meia hora antes e depois do nascer do sol e meia hora antes e depois do pôr do sol. Mas isso depende muito da sua localização geográfica. A hora mágica pode durar mais ou menos tempo que isso.

hora-magica-naarden

ISO 100, 10mm, f/13, 1/10seg

Para que fotos de paisagens fiquem bonitas essa não é uma dica: é uma regra mesmo. Se você procura a perfeição ao fotografar paisagens a primeira coisa a se fazer é fotografar na hora mágica. Não é exagero meu! Obviamente existem exceções – mas a iluminação deste horário é o que faz a diferença entre uma foto bonita e uma foto fantástica.

Iluminação fantástica

O motivo para isso é a luz. Durante esses momentos a luz do sol tem uma incidência que deixa o clima perfeito para fotos de paisagens:

Sol abaixo ou acima do horizonte?

A luz com o sol abaixo no horizonte (logo antes de nascer ou logo depois de se pôr) traz uma riqueza de cores e texturas muito interessantes. Mas quando o sol está acima do horizonte também é possível fazer fotos bonitas se utilizando dos  primeiros/últimos raios de sol, que fazem sombras alongadas e interessantes além de uma luz quente e aconchegante.

Exemplos

Abaixo uma sequência de fotos do mesmo céu tiradas com apenas 10 minutos de diferença entre elas, durante o pôr do sol:

e20090429_0051

Neste dia o sol se pôs mais ou menos no momento da segunda foto. Lembre-se que depois do show do pôr do sol ainda temos algum tempo de luz que é ainda mais linda do que no momento exato! Até que o céu vire um breu completo as cores vão variando e algum desses momentos pode resultar em fotos muito bonitas.

ISO 100, 10mm, f/13, 1/10seg

ISO 100, 10mm, f/13, 1/10seg

•••

A foto em destaque no topo do post foi feita na hora mágica, mas a lua é uma montagem. Saiba mais no post como fotografar a lua.

compartilhe

sobre a autora

De mãos vazias, Claudia Regina segura a pá. Anda a pé, montada no touro. Cruza a ponte, e ela flui, mas a água não.

claudiaregina.com

anúncios

   

quer aprender a fotografar? baixe o livro do
Dicas de fotografia.

é grátis.

↓ eu quero!

perguntas frequentes sobre
fotografia